Especialidades

Consulta de Refração (para óculos)
Exames 
  • Yag Laser: Esse exame é indicado principalmente para tratamento de opacidade capsular no pós-cirúrgico de Catarata. Em alguns casos, a cirurgia de Catarata pode evoluir para uma opacidade em uma região do olho chamada de cápsula posterior, na qual a lente intraocular está apoiada. O processo de aplicação do laser elimina essa opacidade, restabelecendo a visão.

  • Curva Tonométrica: Esse exame consiste em uma sequência de medições da pressão intraocular, com o objetivo de verificar como se comporta a pressão ao longo do dia, sendo possível detectar possíveis picos além dos níveis normais, o que pode indicar a presença de alguma doença, como o Glaucoma.

  • Campimetria: Através desse exame é possível avaliar os defeitos do campo visual e escotomas (áreas sem visão) causadas por algumas doenças como o Glaucoma e lesões intracranianas. 

  • Mapeamento de Retina: Esse é um exame complementar que consiste na avaliação da retina, nervo óptico, mácula, entre outros. Todo fundo de olho e as suas estruturas são avaliados. 

  • PAM: Uma avaliação avalia da potência de visão do indivíduo é o objetivo desse exame, que pode ajudar no prognóstico visual da cirurgia da Catarata e até em transplantes de córnea.

  • Microscopia Especular de Córnea: Esse exame permite a contagem das células endoteliais, localizadas na camada mais interna da córnea, através de uma tomada fotográfica realizada por um equipamento específico. Seu uso é indicado no pós-operatório de cirurgias intraoculares em geral (Catarata, Glaucoma, Transplante de córnea), assim como nas doenças propriamente ditas da córnea.

  • Topografia da Córnea: Também conhecido como videoceratografia computadorizada, esse exame é realizado para avaliação quantitativa e qualitativa da curvatura anterior da córnea. Indispensável para cirurgia de Catarata, o exame é indicado para todos os pacientes que vão passar por cirurgias e, por isso, os médicos precisam de informações relevantes para entender qual o estado da córnea do paciente, sendo possível diagnosticar patologias e outros aspectos.

  • Ecobiometria Ultrassônica: Com esse exame é possível medir o comprimento axial do olho. Realizada através de uma sonda ultrassônica em contato com a córnea, a Ecobiometria é importante para o cálculo das lentes intraoculares, implantadas principalmente em cirurgias de Catarata.

Cirurgias
  • Catarata: Esse é um dos procedimentos mais seguros e eficazes da atualidade. A cirurgia consiste na retirada do cristalino (lente natural do olho), para implante de uma lente intraocular (LIO) – lente artificial que funciona como a lente natural (cristalino). 

  • Glaucoma: Essa cirurgia é indicada quando, mesmo com o uso de todos os colírios disponíveis para o tratamento e controle da doença, ainda assim não é obtido resultado satisfatório de redução da pressão ocular.  

  • Pterígio: A cirurgia de remoção do pterígio é realizada em ambiente cirúrgico ambulatorial, sem necessidade de internação e com o uso de anestesia local. A indicação do oftalmologista pela realização do procedimento é feita quando há ameaça real à visão ou se esta já se encontra comprometida.

  • Plástica de Pálpebras: Com o passar dos anos, é comum desenvolver um excesso de pele e prorusão das bolsas de gordura que ficam sob as pálpebras. Nesse caso, a plástica corrige essas alterações, quando retira o excesso de pele e reduz as bolas de gordura, deixando as pálpebras mais planas e lisas.

  • Refrativa (tira a dependência de óculos): Uma das cirurgias mais conhecidas, a Refrativa é um procedimento considerado simples, que dispensa a necessidade de internação. Esse é o precedimento cirúrgico para correção do “grau dos óculos” (miopia, astigmatismo e ou hipermetropia).

  • Prelex (uso de lente Multifocal, que tira a dependência de óculos para perto e longe): Esse procedimento é utilizado para corrigir a hipermetropia, a miopia e também a Presbiopia (vista cansada). Consiste na substituição funcional do cristalino transparente. O procedimento nada mais é que uma cirurgia de Catarata em olho que não tem catarata, porém tem um cristalino que não mais focaliza para perto. A cirurgia envolve substituir a lente natural do olho por uma lente artificial multifocal e mais moderna que as lentes trifocais que dão excelente visão para longe, perto e intermediário.

  • Calázio: Esse é o último recurso para tratamento da doença. A operação é rápida e é realizada com anestesia local. A cirurgia não deixa cicatriz (em geral é efetuada pela parte interna da pálpebra). Seu tempo de recuperação é curto e os pacientes voltam à atividade normal um dia depois.

Acompanhamento de Glaucoma e de Retinopatia Diabética

O Exame de Refração é realizado com o objetivo de identificar a acuidade visual e o grau de óculos do paciente devido erros refrativos como a Miopia, o Astigmatismo e a Hipermetropia. Se o foco não ocorre na retina de modo natural, é preciso promover a correção óptica, através da procura da lente que vai ser posta junto ao olho para colocar o foco na retina, Sendo assim, a correção desses distúrbios de refração poderá ser feita através do óculos, das lentes de contato ou da cirurgia.

Fundação Vicente Pascaretta Junior - Desde 2006.

Rua Francisco Borges de Oliveira, 1300, Lagoa Nova. Natal/RN

Tel: 84 3206-2313 / 84 3206-6614

  • White Facebook Icon
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now